}

Sansar Project | Novo Second Life?



Por Teagah Beck
Fomos respondidos OFICIALMENTE pela Linden Lab. Caros Lindens, meu avatar é Teagah Beck e eu faço parte de um grupo de apoio ao Second Life dentro do Facebook. Nós representamos em torno de dez mil avatares brasileiros. Ao meu lado está Victtorya Rossini, administradora do grupo. Estamos muito felizes com as novidades e mesmo lendo em inglês, sobre o novo Second Life, ou Second Life New Generation, entendemos que: o que irá acontecer é para o bem e que nenhum de nós perderá nada ou será abandonado no então velho e ultrapassado grid, o atual Second Life. Portanto temos algumas questões e nós gostaríamos que vocês tivessem a gentileza de responder, por favor. No inicio foi dito que são dois mundos incompatíveis e que será iniciado do ZERO. Bem amigos, a palavra zero apavorou muitos de nós, eu confesso.

1 - O Sr. Ebbe Altberg já nos esclareceu que poderemos manter nossas identidades nos dois mundos. E que também nós iremos ter nossa lista de amigos.
2 - O Sr. Peter Gray falou sobre calma, que é cedo e que: 'Isso não significa que vocês não poderão levar algumas partes de vossa segunda vida com vocês.’ Então os Lindens tem outra prioridade no momento. Perfeito, quem tem um inventário com 100 mil itens e que levou um terço do tempo da própria vida real construindo, terá, de vocês incentivo para migrar? Queremos migrar e usufruir da novidade. Mas para muitos de nós será uma decisão fatal se não pudermos de alguma forma levar nossas vivências, nossos bens, enfim, nossos sonhos para onde nos convidam de forma tão sedutora.
3 - Nossos scripters nos perguntam sobre a linguagem que será usada no novo grid. Podem nos esclarecer sobre isso também?
4 - Se já tiver algo publicado sobre o assunto, pode nos indicar o caminho?
5 - Última questão: nós teremos contas free?
Compreendemos que nossas dúvidas até já podem ter sido respondidas em algum momento por vocês, mas pedimos, por favor, podem repetir?
Nos conte novamente como esse novo e maravilhoso mundo com o espírito do Second Life será para o nosso bem também. É claro que temos mais um milhão de perguntas e buscaremos as respostas com o tempo. Por fim queremos agradecer imensamente por seus esforços e dizer que o Second Life, nesses longos 11 anos, nos afetou, nos mudou e nos melhorou. Abraços cordiais, Second Life Brasil no Facebook

Resposta:
Ebbe Linden 06-30-2014 09:59 PM
Oi, primeiro deixe-me reiterar que SL não está indo embora e que temos uma equipe dedicada que vai continuar a fazer SL melhor. Enquanto este novo mundo toma forma, queremos tornar mais fácil para os usuários do SL para entrar e explorar e nos ajudar a moldá-lo para o futuro. Estamos com o objetivo de permitir que as pessoas começam a brincar com ele no próximo ano. Por algum tempo, você poderá escolher onde gastar seu tempo e energia. Não temos planos de fechar SL ou forçar as pessoas a migrar. Só o tempo dirá o que acabará por ser o melhor para os usuários e os nossos negócios. Temos dito que não queremos nos constranger com a exigência de compatibilidade com versões anteriores de conteúdo integral, que pode tornar impossível fazer os avanços na qualidade e experiência e, assim, torná-la menos competitiva no longo prazo. Mais informações virão com o tempo, mas se você trabalha com mesh, a sua experiência e conteúdo serão úteis, com certeza. Scripting irá mudar à medida que vamos introduzir uma linguagem moderna (possivelmente C#, mas não decidido). Sim, estamos pensando que haverá contas gratuitas, mas isso é parecido com Beta, para o próximo ano, e não pode ser completamente aberto. Este novo mundo vai nos permitir melhorar gráficos, desempenho, qualidade e capacitar os criadores para criar experiências mais ricas e poderosas que não são possíveis hoje. Também vamos fazer o trabalho para apoiar telefones e tablets, além de PCs e hardware VR. Nós todos vamos ter muito tempo para ver como isso vai funcionar. Obrigado por servir os residentes do Brasil. É um grande mercado para nós. original:

Comentários
0 Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

O que você pensa sobre isso? Deixe seu comentário, dúvidas, sugestões.